VAI, TEU FILHO VIVE

Nº 272 – BOLETIM DOMINICAL- 04 DE MAIO DE 2014

“ VAI, TEU FILHO VIVE”. – João 4: 46-54

“Exultai, ó justos, no Senhor! Aos retos fica bem louvá-lo”. Vemos que o salmista convoca os justos a louvar ao Senhor por causa de Sua fidegnidade como soberano. “Pois ele falou, e tudo se fez; ele ordenou e tudo passou a existir” (Sl.33:9). “Jesus Cristo ontem e hoje é o mesmo, e o será para sempre” (Heb. 13:8). Percebe-se que Jesus, havia corrigido e direcionado de forma correta a fé da mulher samaritana. O mesmo estar ocorrendo com este alto oficial de Herodes e pai desesperado (Jo.46-47).

Neste episódio, mais uma vez Jesus mostra a sua preocupação em fortalecer a fé das sofridas criaturas que encontra pelos caminhos da vida. A maneira de crer pode ser defeituosa. Entretando, Jesus cuidou sempre de corrigir e fortalecer a fé de quantos O procuravam. Veja que o pai da criança enferma viajou de Carfanaum a Caná, cerca de 32 km, a fim de trazer Jesus para curar o seu filho doente a morte. Este oficial do rei, encontrou a pessoa certa, Jesus, para salvar a vida de seu fillho. O seu condicionamento, entretanto, estava errado. Jesus não precisava ir até Cafarnaum para curar seu filho doente. O método de Deus agir pode muitas vezes ser diferente do nosso. Isto se aplica a salvação. A salvação é plano de Deus; isto é, pela fé por meio de Cristo, somente. Deixe seus planos pessoais de lado e creia em Jesus. Se o sofrimento quebranta as pessoas, por outro lado, Jesus pode suprir todas as nossas carências. Mas, antes de tudo Ele deseja fundamentar a nossa fé nEle. O oficial, trazia no coração uma fé incipiente e que precisava seu aumentada e fortalecida. Foi o que fêz Jesus. Testou-o. Provou-o, despedindo sozinho. Desafiou-o dizendo-lhe: “Vai,..o teu filho vive”. O homem creu na palavra de Jesus, e partiu (vs. 50). “eu creio, bóra, partiu!” Percebe-se que o homem creu, partiu e recebeu a bênção de imediato (vss 51-53). Percebe-se no contexto do Cap 4, que em Samaria, Jesus não realizou ali, milagres e houve uma bela colheita por causa da Sua palavra. Agora, em Caná, o milagre teve o seu devido e oportuno lugar, e a colheita de novos convertidos acontece. “…creu ele e toda a sua casa” (vs.53). A ação de Deus em nossa vida, por mais estranha que nos parece, visa sempre ao nosso bem. Isso pode ser um grande desafio para nós! Rev. Mario Ramos