SOMOS COOPERADORES DE DEUS!

Nº 29 – BOLETIM DOMINICAL- 06 DE AGOSTO DE 2015

SOMOS COOPERADORES DE DEUS! I Cor. 3: 1-9

Rui Barbosa, num improviso famoso, proferido perante o Senado da República, fez uma espécie de definição de história: “A história…é fato, o depoimento, o documento.” – Nós presbiterianos comemoramos 156 anos de anuncio da fé evangélica no Brasil e no mundo, vamos comemorar 500 anos, de uma profícua existência, em 31 de Outubro de 2017. Somos cooperadores de Deus? Criou Deus o mundo e, tendo criado o homem, lhe confiou o “paraíso” para o lavrar e guardar (Gn, 2:15). Porém, o homem e sua família não tiveram à altura de ali permanecerem e, consequemente, foram expulsos. Não deixou Deus o homem entregue a sua própria sorte, dizendo que Alguém viria, no tempo próprio, para pisar a cabeça da serpente (Gn. 3:15). O plano Divino revela um elemento estrutural-funcional, ao homem e realizando através dele e com sua cooperação: A Restauração do Paraíso Terrestre, bem como a transição para o Paraíso Celestial, o que esperamos, se realize. É por isso que a igreja, sofrendo perseguições, enfrentando lutas internas e externas, vem, através de 2.000 anos, empenhada no cumprimento da sua missão. Sendo uma organização humana, ela é, contudo, uma instituição divina e ainda que mostre falhas quando parece como Igreja Visivel, ela sob a direação do Espírito Santo, é aperfeiçoada na forma de Igreja Invisível, reallizando a Obra do Reino de Deus, constituída como é de Cooperadores do Eterno Deus, Senhor e Cabeça da igreja. O ser  “Cooperador de Deus”, é altíssimo privilégio para os que, de fato e de direito, receberam os DONS e MINISTÉRIOS. O Crentes têm dons ou Talentos – há semelhanças e diferenças entre os dois. Ambos são bíblicos e devem ser usados a favor dos outros na edificação da igreja. Os talentos são aperfeiçoados com os dons espirituais (2 Co. 12:14). A Igreja tem ministérios (Rm. 12:3-8). Os Cooperadores de Deus do passado, nos legou a tremenda responsabilidade de no presente, a continuação da Obra do Reino de Deus. Temos um desafio ainda maior e melhor após a aquisição da Sede própria, tornar uma realidade, a igreja Presbiteriana de Tatuquara, no novo enderaço. Somos cooperadores de Deus? Rev. Mario