OS PLANOS DE DEUS PARA SUA IGREJA

Nº 004 – BOLETIM DOMINICAL- 01 DE MARÇO DE 2015

OS PLANOS DE DEUS PARA SUA IGREJA – Ef. 1:1-14

Éfeso era uma cidade portuária, tão importante quanto às cidades de Alexandria e Antioquia da Síria. Situava-se no extremo ocidente da Ásia Menor (atual Turquia) e era o porto mais importante no mar Egeu, na principal rota entre Roma e o Oriente. A igreja de Éfeso foi fundada pelo apóstolo Paulo no ano de 53 d.C. numa rápida parada, deixando ali Áquila e Priscila (At.18:18-19). Um ano mais tarde, Paulo lá permaneceu por três anos pregando e ensinando com muita eficiência (At 19.1-20). Pouco tempo depois, Paulo foi enviado como prisioneiro para Roma, onde recebeu a visita de vários irmãos, entre eles estava Tíquico, que será o responsável por levar essa carta às igrejas daquela região. Percebe-se que no Cap. 1:1-14, o Apóstolo apresenta o Plano Eterno de Deus para sua Igreja. O plano foi estabelecido ainda antes da fundação do mundo. A salvação dos eleitos tambem fora decidida pela Trindade Excelsa na eternidade para ser posto em excução aqui na terra. Foi assim que eu e você fomos abençoados com toda sorte de bênçãos nas regiões celestiais em Cristo (Ef. V.3-4). Isto diz o quanto a nossa Igreja aqui representa esta natureza divina e de dimensão eterna. No Cap. 2, Paulo nos informa que esta ação divina tem sua fundamentação tão somente na graça de Deus. Porque todos nós seres humanos estavamos mortos em nossos delitos e pecados quando em Cristo fomos vivificados – resurreição espirtual (Ef. 2:1). No Cap. 3, como nós os líderes somos responsáveis diretos pela continuidade desta obra redentora na pessoa de Jesus Cristo. Paulo nos informa que sua prisão estava nos planos de Deus para sua Igreja (Ef. 3:13) Refere-se a salavação dos gentios. Nos Caps 4,5 e 6 vários conselhos sobre o procedimentos cristão e de como a Sua Igreja precisa viver e testemunhar. O grande tema desta Carta é o propósito eterno de Deus de estabeleecer e completar o Seu corpo, a Igreja de  Cristo. Ao desenvolver este tema, Paulo trata de presdestinação (1:3-14), a liderança de Cristo sobre o seu corpo, como Cabeça (1:22-23; 4:15-16), a Igreja como edifício e templo de Deus (2:21-22), o ministério de Cristo (3:1-21), dons espirituais (4:7-16) e a Igreja como a noiva de Cristo. Como Igreja de Jesus vivamos os planos de Deus. Rev. Mario Ramos