NOSSO RELACIONAMENTO COM CRISTO!

Nº 34 – BOLETIM DOMINICAL- 20 DE SETEMBRO DE 2015

NOSSO RELACIONAMENTO COM CRISTO! Mt. 22:37-40

O termo “relacionamento” anda em desuso ou por vezes, usado com demagogia. Como anda o relacionamento entre as autoridades do mundo? Que tipo de relacionamento existe entre os líderes cristãos? Qual tem sido o relacionamento entre pais e filhos e marido e mulher? Como está o relacionamento da criatura com o Criador? Será mesmo que na sociedade capitalista, consumista e tecnológica existe ainda um porto seguro para os relacionamentos? Como deve ser o nosso relacionamento pessoal com Cristo? Vamos, primeiramente, deixar claro que o nosso relacionamento pessoal com Deus, só nos é possível, mediante o Seu Filho Jesus Cristo (Jo. 14:6; 5:24; 1:1,14,18). O tema em questão é vasto e o espaço é curto. Fica apenas a reflexão: Somente Jesus Cristo pontifica este relacionamento. Ademais, tal convivência com Deus se dá a partir da Palavra de Deus, da oração e dos meios de graça – práticas devocionais. Assim dizia M. Lutero: “Se eu não começar o dia com a oração ao Senhor, terei perdido o dia inteiro”. A fé cristã diz respeito ao início deste relacionamento de salvação com Deus. Estamos todos relacionados a Deus em certos aspectos – como a criatura ao Criador –, mas a fé cristã enfatiza que, num nível pessoal, nós não nos encontramos adequadamente relacionados com Deus no plano espiritual. Em vez disso, nós nos encontramos espiritualmente separados de Deus devido ao pecado (Rm. 3:23). E não cumprimos os nossos deveres morais para com Deus, para com os outros, para com nós mesmos: nós temos feito o que não devíamos fazer, e não fazemos o que deveríamos estar fazendo. Como resultado, nós nos encontramos moralmente culpados diante de um Deus Santo e sob o Seu julgamento justo. A nossa relação pessoal com Deus foi assim rompida. Quando o crente assume esse compromisso perante Cristo, ele é regenerado e restaurado pelo Espírito Santo para ter o relacionamento apropriado com Deus. É necessário pois, o nascer de novo, do  Espírito Santo. Ser uma nova criatura é a condição de um novo relacionamento com Deus em Jesus Cristo (2 Co. 5:17-18). Desta forma se abre um novo e vivo Caminho de Relacionamento. Rev. Mario Ramos