NÃO TEMAS, QUE EU TE AJUDO

Nº 62 – BOLETIM DOMINICAL- 10 DE JULHO DE 2016

NÃO TEMAS, QUE EU TE AJUDO –  Isaías 41: 1 – 13

Vivemos dias de Aflição. Fazemos parte de uma sociedade doente. Vivemos assustados. Somos tomados de toda sorte de MEDOS. Estatísticas recente mostram que 80% já sofreram algum tipo de assalto, furto ou roubo. Passamos a ter medo de gente. A nossa mente não mente quando grita, lá vem o estuprador; lá vem o ladrão; lá vem o drogado; lá vem a violência do trânsito; lá vem o medo de ficar sem um bom plano de saúde; lá vem o medo de perder o emprego; lá vem o medo de sair de casa; lá vem o medo de estudar à noite; lá vem o medo de ter que confiar em alguém etc.. É necessário ser prudente sim. Aliás, foi o Senhor Jesus quem disse isto. Todavia, o “assombro” é o medo elevado à sua potência máxima. É o “assombro” que pode levar ao pânico. À sindrome do pânico tem atingido algumas pessoas, incluvide cristãs. A fobia – medo de tudo, tem sido uma irmã gêmea de muitos. O medo é um dos  gigantes da alma. Memdo de ver coisas, desestabiliza as pessoas, cria insegurança de base e traz sérias e graves consequências à alma humana. Precisamos aprender a lidar com os problemas da alma, com maturidade. Disse Goethe: “ sou humano, e nada do que é humano me aterra”. O meu velho pai de saudosa memória dizia: “ Eu tenho medo, de não ter medo”. O Texto acima no Vs. 10, o nosso Deus nos declara que:  1- EU TE FORTALEÇO – Quando nos sentimos enfraquecidos pelas enfermidades. Quando tomados por sentimentos de limitação. Quando apequenados diante dos problemas com as esperanças distantes. O nosso ânimo baixo, Deus nos diz: “Eu te fortaleço”; 2 – EU TE AJUDO – No dia a dia, damos conta do fardo, mas ele pesa. Pesa física, emocional e espiritualmente. O nosso Deus tira e leva o nosso fardo. É maravilhoso quando o Senhor nos ajuda; 3 – EU TE SUSTENTO, Há momentos que precisamos ser fortalecidos; em outros momentos e circunstâncias ajudados; mas sustentados precisamos sempre. Dioturnamente, com o Senhor torna uma disciplina constante e em constante aprendizado. A sua presença sustenta a vida e faz toda a diferença. Melhor do que saber caminhar é contar com o Senhor que nos toma pela mão. Rev. Mario