GRATIDÃO A DEUS PELA CRIAÇÃO

Nº 176  BOLETIM DOMINICAL- 02 DE DEZEMBRO DE 2018

GRATIDÃO A DEUS PELA CRIAÇÃO – Salmo 19:1-14

No diário do grande cientista Albert Einstein, o registro: “O universo não é explicado satisfatoriamente sem Deus. ”O Credo Apostólico diz: “Creio em Deus Pai, Todo-Poderoso, Criador do céu e da terra.” Enquanto isto, a C.F.W, declara no Cap. IV, Inciso I: Ao princípio aprouve a Deus o Pai, o Filho e o Espírito Santo, para a manifestação da glória do seu eterno poder, sabedoria, e bondade, criar ou fazer do nada, no espaço de seis dias, e tudo muito bom, o mundo e tudo que há, visíveis ou invíveis.” Uma bela teodicéia. Contudo, a  Escritura Sagrada,  dá-nos com autoridade absoluta, o juízo da doutrina da criação. Ao olharmos por trás da obra da criação, vemos que há um Ser Soberano. O Deus Pai, Todo-Poderoso, “criador do céu e da terra.” (Gn.1:1;Jo.1:1-3). No Livro de Gênesis existem 53 afirmações a respeito da ação do Deus Criador. Veja que os diferentes verbos indicam a produção de uma obra realizada por um único autor. Embora, João, nos fornece a revelação da Trindade, proclamando o Cristo em sua pré-existência ao lado do Pai, e agora, em sua Encarnação (Jo.1:14,18). Aqui destaca-se: 1) Deus existe antes de todas as coisas; 2) Deus cria e age de forma independente; 3) Deus fez do nada todas as coisas; 4) Deus preserva o mundo através de sua Palavra; 5) Deus preserva o mundo através de suas leis e 6) Deus preserva o mundo atraves de suas criaturas. Assim, Deus revela o seu amor e o seu poder nas obras da Criação e da Providência. O homem é o jardineiro de Deus, para cultivar e guardar (Gn. 2:8-15). É preciso  ser consciente e responsável ao utilizar a criação. Como expressou Nincoff, “a natureza é o berçário da humanidade.” Destruí-la, é destruir o próprio berço e as chances de sobrevivência. O texto em cimo, proclama a excelência da obra da criação, pela qual, devemos a gratidão ao Senhor. Porém, urge que se manifeste, como gratidão, uma ação pró-ativa na preservação do meio ambiente, começando com ações simples, mas eficazes, envolvendo Órgãos internacionais, Ongs, ambientalistas, ativistas, e até a tecnologia de ponta. É triste, uma autópsia revelar 29 kl de lixo plástico no trato digestivo de uma baleia, morta em Madri. Sejamos gratos a Deus pela Criação. Que a nossa gratidão, tenha conteúdo prático numa declaração de fé pública que nos conduza de forma operosa como cristãos conscientes. Louve e agradeça. N.C. 10 –   Rev. Mario Ramos

 

Rev. Mario Ramos