DOUTRINAS BÁSICAS DA FÉ CRISTÃ: CRESCENDO NA GRAÇA E NO CONHECIMENTO

DOUTRINAS BÁSICAS DA FÉ CRISTÃ: CRESCENDO NA GRAÇA E NO CONHECIMENTO

 

001 – Qual é o fim principal do homem

  1. O fim principal do homem é glorificar a Deus, e gozá-lo para sempre ( Rm. 11:36; I Co.10:31; Sl. 73:25-26; Is. 43:7; Ef. 1:5-6);

 

002 – Que regra deu Deus para nos dirigir na maneira de O glorificar?

  1. A Palavra de Deus que se acha nas Escrituras do Velho e do Novo Testamentos, é a Única regra infalível de fé e de prática na maneira de O glorificar e gozar (Lc. 24:27,44; 2 Pe. 3:2, 15-16; 2Tm. 3:15-17; Gál. 1:8-9; Jo.15:10-11);

 

003 – Qual é a coisa principal que as Escrituras nos ensinam?

  1. A coisa principal que as Escrituras nos ensinam é que o homem deve crer acerca de Deus, e o dever que Deus requer do homem ( Jo.5:39; Sl. 119:105; Rom. 15:4; 1 Co. 10:11);

 

004 – Quem é Deus?

  1. Deus é amor. Deus é espírito, infinito, eterno e imutável em seu ser, sabedoria, poder, santidade, justiça, bondade e verdade ( Jo. 4:24; Êxod. 3:14; Sl. 145:3; Tg. 1:17; Gên. 17:1);

 

005 – Há mais de um Deus?

  1. Há um só Deus, o Vivo e Verdadeiro. ( Deut. 6:4; 1 Co. 8:4; Jer. 10:10; Jo. 17:3);

 

006 – Quantas pessoas há na Divindade?

  1. Há três pessoas na Divindade: o Pai, o Filho e o Espírito Santo, e estas três são um Deus, da mesma sustância, iguais em poder e glória ( Mat. 3:16-17; 2 Co.13:13; Jo. 1:1; At. 5:3-4);

 

007 – Que são os decretos de Deus?

  1. Os decretos de Deus são o seu eterno propósito, segundo o conselho da sua vontade, pelo qual, para sua glória, Ele predestinou tudo o que acontece ( Rom. 11:36; Ef. 1:4-6; At.2:23; 1 Co. 2:7; Ef. 3:10-11);

 

008 – Como executa Deus os seus decretos?

  1. Deus executa os seus decretos nas obras da criação e da providência (Sl. 19; Sl. 33; Sl. 24);

 

009 – Qual é a obra da criação?

  1. A obra da criação é aquela pela qual Deus fez todas as coisas do nada, no espaço de seis dias, e tudo muito bem ( Gên. 1:31; 2:1; Apoc. 4:11; Dan. 4:35; Is. 40:26; At. 4:24);

 

010 – Conservaram-se nossos primeiros pais no estado em que foram criados?

  1. Nossos primeiros pais, sendo deixados à liberdade da sua própria vontade, caíram do estado em que foram criados, pecando contra Deus ( Rom. 5:12; Gên. 3:6);

 

011 – Que é pecado?

  1. Pecado é qualquer falta de conformidade com a Lei de Deus, ou transgressão dessa Lei ( Tg. 2:10; Tg. 4:17; I Jo. 3:4);

 

012 – Qual foi o pecado pelo qual nossos primeiros pais caíram do estado em que foram criados?

  1. O pecado pelo qual nossos primeiros pais caíram do estado em que foram criados foi o comerem do fruto proibido (Gên. 3:12-13; Osé. 6:7) ou ( a desobediência a ordem de Deus );

 

 

013 – Caiu todo o gênero humano pela transgressão de Adão?

  1. Visto que o pacto de obediência foi feito com Adão não só para ele, mas também para a sua posteridade todo o gênero humano que dele procede por geração ordinária, pecou nele e caiu com ele na sua primeira transgressão ( Gên.1:26; At. 17:26; 1Co. 15:21-22; Rom. 5:12-14);

 

014 – Qual foi o estado a que a queda reduziu o gênero humano?

  1. A queda reduziu o gênero humano a um estado de pecado e miséria – morte espiritual (Rom. 5:12; Rom. 6:23);

 

015 – Qual é a miséria do estado em que o homem caiu?

  1. Todo o gênero humano pela sua queda perdeu comunhão com Deus, está debaixo de sua ira e maldição, e assim sujeito a todas as misérias nesta vida, à morte e às penas do Inferno para sempre ( Gên.3: 8, 24; Ef. 2:3; Rom. 6:23; Mat. 25:41-46);

 

016 – Deixou Deus todo o gênero humano perecer no estado de pecado e miséria?

  1. Tendo Deus, unicamente pela sua boa vontade desde toda a eternidade, escolhido alguns para a vida eterna, entrou com eles em um pacto de graça, para os livrar do estado de pecado e miséria e trazer a um estado de salvação por meio de um Redentor – Jesus (Ef.1:4; Tito 1:2; Tito 3:4-7; Jo. 17:6; At. 4:12; Jo. 14:6);

 

017 – Quem é o Redentor dos escolhidos de Deus?

  1. O único Redentor dos escolhidos de Deus é o Senhor Jesus Cristo que, sendo o eterno Filho de Deus, se fez homem, e assim foi e continua a ser Deus e homem em duas naturezas distintas, e uma só pessoa, para sempre ( 1 Tm. 2:5; Jo. 1:14; Rom. 9:5; Col. 2:9; Heb. 13:8);

 

018 – Como Cristo, sendo o Filho de Deus, se fez homem?

  1. Cristo, o Filho de Deus, fez-se homem tomando um verdadeiro corpo, e uma alma racional, sendo concebido pelo poder do Espírito Santo, no ventre da virgem Maria, e nascido dela, mas sem pecado ( Heb. 2:14; Mat. 26:28; Luc.2:52; Heb. 4:15);

 

019 – Que funções exerce Cristo como nosso Redentor?

  1. Cristo, como nosso Redentor, exerce as funções de profeta, sacerdote e rei, tanto no seu estado de humilhação como no de exaltação ( At. 3:22; Heb. 5: 5-6; Sl.2:6; Jo. 1:49);

 

020 –  Como exerce Cristo as funções de profeta?

  1. Cristo exerce as funções de profeta, revelando-nos, pela sua Palavra e pelo seu Espírito, a vontade de Deus para a nossa salvação ( Jo. 1:18: Heb. 1:1-2; Jo. 14:26);

 

021 – Como exerce Cristo as funções de Sacerdote?

  1. Cristo exerce as funções de Sacerdote, oferecendo-se a Si mesmo uma vez em sacrifício, para satisfazer a justiça divina, reconciliando-nos com Deus e fazendo contínua intercessão por nós ( Heb. 9:28; Rom. 3:24-26; Is. 53:12);

 

022 – Como exerce Cristo as funções de Rei?

  1. Cristo exerce as funções de Rei, sujeitando-nos a Si mesmo, governando-nos e protegendo-nos contendo e subjugando todos os seus inimigos e os nossos também (Sl. 110:1-3; At. 2:36; Is. 9: 6-7; I Co 15: 25-27);

 

023  – Como nos aplica o Espírito a redenção adquirida por Cristo?

  1. O Espírito Santo aplica-nos a redenção adquirida por Cristo, operando em nós a fé, e unindo-nos a Cristo por meio dela em nossa vocação eficaz ( Gal. 2:20; Ef. 2:8; I Co. 12: 12-13);

 

024 – Que é justificação?

  1. Justificação é um ato da livre graça de Deus, no qual Ele perdoa todos os nossos pecados e nos aceita como justo diante de Si, somente por causa da justiça de Cristo a nós imputada, e recebida só pela fé ( Ef. 1:7; 2 Co. 5:21; Rom. 4:6 e Gál. 2:16);

 

025 – O que é adoção?

  1. Adoção é um ato da livre graça de Deus pelo qual somos recebidos no número dos filhos de Deus, e temos direito a todos os seus privilégios ( I Jo. 3:1; Jo. 1 :12; Rom. 8: 14-17);

 

026 – O que é santificação?

  1. Santificação é a obra da livre graça de Deus, pela qual somos renovados em todo o nosso ser, segundo a imagem de Deus, habilitados a morrer cada vez mais para o pecado e a viver para a retidão ( I Pe. 1:2; Ef. 4:20-24; Rom. 6:6; Rom. 12: 1-2);

 

027 – Que revelou Deus primeiramente ao homem para regra de sua obediência?

  1. A regra que Deus revelou primeiramente ao homem para sua obediência foi a Lei Moral (Rom. 2:14-15);

 

028 – Onde está a Lei Moral resumidamente compreendida?

  1. A Lei Moral está resumidamente compreendida nos dez mandamentos ( Deut. 10:4; Mat. 19: 17-19);

 

029 – Em que se resumem os dez mandamentos?

  1. Os dez mandamentos se resumem em amar ao Senhor nosso Deus de todo o nosso coração, de toda a nossa alma, de toda as nossas forças e de todo o nosso entendimento; e ao nosso próximo como a nós mesmos ( Mat. 22:32-40);

 

030 – Qual é o primeiro mandamento?

  1. O primeiro mandamento é: “ Não terás outros deuses além de mim”. Êxodo 20:3);

 

031 – Qual é o segundo mandamento?

  1. O segundo mandamento é: “Não farás para ti imagens de escultura, nem figura alguma de tudo o que há em cima no Céu, e do que há em baixo na terra, nem de coisa alguma que há nas águas, debaixo da terra. Não as adorarás, nem lhes darás culto; porque eu sou o Senhor teu Deus, o Deus zeloso, que vinga a iniqüidade dos pais nos filhos até a terceira e quarta geração daqueles que me aborrecem; e que usa de misericórdia com milhares daqueles que me ama e que guardam os meus preceitos”. ( Êxodo 20: 4-6 );

 

032 – Qual é o terceiro mandamento?

  1. O terceiro mandamento é: “Não tomarás o nome do Senhor teu Deus em vão, porque o Senhor não terá por inocente aquele que tomar em vão o nome do Senhor seu Deus” ( êxodo 20:7);

 

033 – Qual é o quarto mandamento?

  1. O quarto mandamento é: “Lembra-te de santificar o dia do sábado. Trabalharás seis dias, farás neles tudo o que tens para fazer. O sétimo dia, porém, é o sábado do Senhor teu Deus. Não farás nesse dia, obra alguma, nem tu, nem teu filho, nem tua filha, nem teu servo, nem a tua serva, nem teu animal, nem o peregrino que vive das tuas portas para dentro. Porque o Senhor fez em seis dias o Céu, a terra e o mar, e tudo o que neles há, e descansou no sétimo dia. Por isso o Senhor abençoou o dia sétimo e o santificou” ( Êxodo 20: 8-11);

 

 

034 – Qual é o quinto mandamento?

  1. O quinto mandamento é: “Honrarás a teu pai e a tua mãe, para teres uma dilatada vida sobre a terra que o Senhor teu Deus te há de dar” ( êxodo 20:12);

 

035 – Qual é o sexto mandamento?

  1. O sexto mandamento é: “Não matarás” ( êxodo 20:13);

 

036 – Qual é o sétimo mandamento?

  1. O sétimo mandamento É: “Não adulterarás” ( Êxodo 20:14);

 

037 – Qual é o oitavo mandamento?

  1. O oitavo mandamento é: “ Não furtarás” ( Êxodo 20: 15);

 

038 – Qual é o nono mandamento?

  1. O nono mandamento é: “Não dirás falso testemunho contra o teu próximo” (Êxodo 20:16);

 

039 – Qual é o décimo mandamento?

  1. O décimo mandamento é: “Não cobiçarás a casa do teu próximo; não desejarás a mulher, nem o seu servo, nem a sua serva, nem o seu boi, nem o seu jumento, nem coisa alguma que lhe pertença” ( Êxodo 20: 17);

 

040 – Que merece cada pecado?

  1. Cada pecado merece a ira de Deus e a maldição de Deus, tanto nesta vida como na vindoura ( Gál. 3:10; Tg. 2:10; Mat. 25:41);

 

041 – Que é fé em Jesus Cristo?

  1. Fé em Jesus Cristo é uma graça salvadora, pela qual o recebemos e confiamos só nEle para a salvação, como Cristo nos é oferecido no Evangelho ( At. 16:31; Heb. 10:39; Jo. 1:12);

 

042 – Que é arrependimento para a vida?

  1. Arrependimento para a vida é uma graça salvadora pela qual o pecador, tendo um verdadeiro sentimento do seu pecado e percepção da misericórdia de Deus em Cristo, se enche de tristeza e de horror pelos seus pecados, abandona-os e volta para Deus, inteiramente resolvidos a prestar-Lhe nova obediência ( 2 Co. 7:10; At. 2:37; Luc. 1:77-79; Jer. 31: 18-19);

 

043 – Que é um sacramento?

  1. Um sacramento é uma santa ordenança instituída por Cristo, na qual, por sinais sensíveis, Cristo e as bênçãos do novo pacto são representadas, seladas e aplicadas aos crentes ( Mat. 26:26-28; Mat. 28: 19; Rom. 4:11);

 

044 – Quais são os sacramentos?

  1. Os sacramentos são o Batismo e a Ceia do Senhor ( At. 10:47; I Co. 11: 23-26);

 

045 – Que é o Batismo?

  1. O Batismo é o sacramento no qual o lavar com a água em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, significa e sela a nossa união com Cristo, a participação das bênçãos do pacto da graça, e a promessa de pertencermos ao Senhor ( Mat. 28:19; Jo. 3:5; Rom. 6: 1-11);

 

046 – Que é a Ceia do Senhor?

  1. A Ceia do Senhor é o sacramento no qual, dando-se e recebendo-se pão e vinho, conforme instituição de Cristo, se anuncia a sua morte e vinda, aqueles que participam dignamente tornam-se, não de uma maneira corporal e carnal, mas pela fé, são participantes de seu corpo e do seu sangue, com todas as suas bênçãos para o seu alimento espiritual e crescimento em graça ( I Co. 11: 23-26; At. 3:21; I Co. 10:16);

 

047 – Que é oração?

  1. A Oração é um santo oferecimento dos nossos desejos a Deus, sempre em nome de Jesus Cristo, com confissão de nossos pecados, e um agradecimento reconhecido das suas misericórdias ( Sl. 10:17; I Jo. 5:14; Fil. 4:6; I Tess. 5:18); É falar com Deus em nome de Jesus!

 

048 – Quem ordenou o matrimônio e quais os seus objetivos?

  1. O matrimônio foi ordenado pelo Criador ( Gên. 2:18,24), e tem como objetivo 1) o mútuo auxílio de marido e mulher ( I Co. 7:3-5), 2) a propagação da raça humana por uma sucessão legítima (Gên. 1: 27,28), 3) impedir a impureza e ser uma bênção biológica ( 1 Co. 7: 2,9);

 

049 – Que é Igreja?

  1. É um conjunto formado por todos os verdadeiros servos de Cristo ( Mat. 16:18);
  2. É visível, considerando todos os membros professos da Igreja (At. 20:28);
  3. É invisível, considerando todos os que já foram salvos, os que agora são e os que ainda serão salvos (Heb. 12:23);
  4. É Igreja local, uma Comunidade de crentes num dado lugar como a de Antioquia, a de Jerusalém e a nossa Igreja etc…;
  5. É Igreja Católica (universal), considerando todas as verdadeiras Igrejas de Jesus Cristo por toda a parte, em que Ele é o seu Cabeça e Senhor;
  6. É o corpo de Cristo e nós os seus membros ( Ef. 4: 12-16);

 

050 – Que é o Dízimo?

  1. O dízimo é a décima parte de nossa renda. Entregar e consagrar o dízimo de Deus é devolver ao Senhor 10% de tudo que Ele nos concede ( Mal. 3: 10);

 

051 – Onde encontramos a Lei do dízimo?

  1. Na Lei de Deus. O Senhor ordenou ao seu povo que trouxesse o dízimo. O dízimo está na Bíblia ( Gên. 14:20; 28:22; Núm. 18:21-30; Deut. 14: 22-29; Deut. 26;12);
  2. Na Palavra de Jesus Cristo, Nosso único Mestre ( Mat. 23: 7-10);

 

052 – O que é Escritura Sagrada?

  1. A Escritura Sagrada, a Bíblia, ou Palavra de Deus são a mesma coisa. A Bíblia é a Palavra de Deus expressa de forma escrita e não apenas a contém. É aquele Livro que nos dá o conhecimento de Deus e da Sua vontade necessários para a salvação ( 2 Tm. 3:15-16);

 

053 – Em quantas partes divide a Bíblia?

  1. Em duas partes: O Antigo Testamento com 39 livros; e o Novo Testamento com 27 livros;

 

 

POR QUE SOMOS PRESBITERIANOS?

 

054 – Como surgiu a Igreja Presbiteriana?

  1. Surgiu da Reforma Religiosa do Século XVI. Deus levantou um homem chamado João Calvino ( 1509 a 1564), para conduzir seu povo de volta à Bíblia. E desta volta à Bíblia surgiu a Igreja Presbiteriana – governada por presbíteros ( At. 11:30; At. 14:23; I Tm 5:17; Tito 1:5; Tg. 5: 14);

 

055 – Como se processou a Reforma Religiosa do Século XVI?

  1. A Reforma teve como ponto de partida a fixação das 95 Teses de Lutero contra as Indulgências vendidas pela Igreja de Roma, na porta da Capela de Wittenberg, (Alemanha) no dia 31 de Outubro de 1517; sendo Lutero excomungado pelo Papa, viu-se obrigado a criar um movimento religioso de onde surgiu a Igreja Luterana; Coube a João Calvino, num plano mais elevado a consolidação da Reforma. As Igrejas que adotaram o sistema calvinista denominaram-se Igreja Reformada ou Igreja Presbiteriana. Da Suíça, onde João Calvino era Pastor-governador, o presbiterianismo se espalhou para os países baixos, França, Escócia, Holanda e Inglaterra. Logo atingiu todos os continentes. Da América do Norte, atravessou o atlântico e chegou ao Brasil-Império em 12/08/1859, pelo Rev. Aschbel Green Simonton e sua esposa Hellen com dois filhos. Sendo a primeira Igreja a se constituir oficialmente em nossa pátria, conforme o Diário Oficial do Império do Brasil, em 11/10/1872;

 

056 – Quantos são os presbiterianos no mundo hoje?

  1. Precisar com exatidão é impossível. Mas sabe-se que os presbiterianos são o ( 2º) segundo maior grupo evangélico do mundo, perdendo em número apenas para os luteranos;

 

057 – Quantos somos presbiterianos no Brasil hoje?

  1. Estatística de 2011 apresenta mais de 1,2 milhões de presbiterianos;

 

058 – Quantas são as Igrejas Presbiterianas do Brasil hoje?

  1. Estatística de 2014: 7.638 Igrejas e Congregações; mais de 9.300 Pastores;

 

059 – Quais são as obras sociais e assistenciais da Igreja Presbiteriana no Brasil?

  1. Na educação: Universidade Mackenzie (SP), mais de 140 Escolas Ensino médio; mais de 200 Escolas Ensino Fundamental; inúmeras creches, Casa Editora Presbiteriana, Jornal Presbiteriano; mais de 12 Seminários e vários Institutos de Ensino;
  2. Na Saúde: Vários hospitais em Goiás e Brasília, e Mantenodora do Hospital Evangélico, Orfanatos, Casas de Repouso da 3ª Idade – 09 Hospitais;
  3. Na Evangelização: Missões Nacionais e Missões Internacionais: Difusão Radiofônico em 07 países (Japão, China, ìndia, Inglaterra, Portugal, Chile e Espanha) no Brasil, na TV BAND, programa Verdade e Vida às 11h45 mim);
  4. Na ação social: Uma gama de Projetos sociais, vinculados as Igrejas ( Orfanato INPAR-RJ, Casas de Repousos 3ª Idade masculino e feminino e Assistência social diaconal em nossas Igrejas.
  5. Na Comunicação: Rede TV, TV BAND, várias Rádios locais, Luz para o Caminho, Jornal Brasil Presbiteriano etc…

 

060 – Em que são baseadas as doutrinas da Igreja Presbiteriana?

  1. São baseadas na Bíblia, a Palavra de Deus. A nossa Igreja não aceita nenhuma doutrina que não tenha base sólida na Escritura Sagrada ( Gál. 1: 8-9);

 

061 – O que é “doutrina que tem base sólida na Escritura Sagrada?

  1. É a doutrina que está baseada na Bíblia toda, do Gênesis ao Apocalípse. A nossa Igreja não aceita doutrina baseada apenas em algumas passagens ou textos isolados da Bíblia;

 

062 – Quais são os padrões doutrinários da Igreja Presbiteriana?

  1. Nossa Igreja adota A Escritura Sagrada, e como exposição de doutrinas bíblicas a Confissão de Fé de Westminster, Londres-Inglaterra, em 1643-1649, Catecismo Maior, e o Breve Catecismo pelo fato da Bíblia não trazer as doutrinas já sistematizadas;

 

063 – Quem foi João Calvino?

  1. Foi um dos reformadores do Século XVI. Nasceu em Lyon, na França, no dia 10 de Maio de 1509, e faleceu em Genebra, na Suíça, no dia 27 de Maio de 1564; Aos 14 anos de idade, Calvino entrou para a Universidade de Paris, formando em Direito. Aos 20 anos de idade converteu-se a Cristo. Calvino foi o mais culto e o mais inteligente entre todos os reformadores. Entre tantas obras conhecidas no mundo, a sua obra mais importante chama-se A INSTITUIÇÃO DA RELIGIÃO CRISTÃ, As Institutas, sistema doutrinário bíblico, conhecido como calvinismo.

 

064 – Como uma pessoa se torna membro da Igreja Presbiteriana?

  1. A recepção de membros é através da pública Profissão de fé e batismo (Mc. 16:16);
  2. Quando batizada, na infância, somente a pública profissão de fé;
  3. Quando membro de outra igreja evangélica, apenas a pedido por escrito;
  4. Quando de outra igreja presbiteriana, por carta de transferência ou ex-ofício;
  5. As crianças na puberdade são batizadas, desde que, seja membro da Igreja um dos pais ou responsável por ela – a criança batizada é membro não comungante;ou,
  6. Por apoio explícito de crentes de qualquer Denominação cristã, que seja de livre e espontânea vontade.

 

065 – Como é o governo da Igreja Presbiteriana?

  1. A Igreja local é governada pelo Conselho, que é formado pelo Pastor e pelos Presbíteros. Sob a supervisão do Conselho funciona a Junta Diaconal, constituída dos Diáconos, os quais se encarregam da ordem do templo e suas dependências, cuida da assistência social e socorro aos necessitados ( Atos Cap. 6);

 

066 – Quais são as classes de oficiais da Igreja Presbiteriana?

  1. São duas: Os Presbíteros – docente (Pastor) e o regente (presbítero) governa a Igreja;

Os Diáconos – Administram a causa da beneficência, ordem, e socorro;

 

067 – Como é constituído o governo da Igreja Presbiteriana?

  1. Através do voto da Assembléia da Igreja, quando elege Presbíteros e Diáconos por um período de 05 (cinco) anos de mandato, pautado nos Estatutos da Igreja local;

 

068 – Que representa a Assembléia da Igreja Presbiteriana?

  1. Quando convocada e regularmente instalada pelo Conselho, torna-se o órgão máximo da Igreja local, com poder absoluto em sua atribuição, pautado nos Estatutos da Igreja;

 

069 – Quais são os Concílios da Igreja Presbiteriana?

  1. Conselho: governa a Igreja local;
  2. Presbitério: Jurisdiciona várias Igrejas, ( acima de Quatro), numa certa região;
  3. Sínodo: Jurisdiciona vários presbitérios, (acima de três), numa certa região;
  4. Supremo Concílio: É a Assembléia Geral. O órgão maior da Igreja.

 

070 – Quais são os deveres dos membros da Igreja Presbiteriana?

  1. “Viver de acordo com a doutrina e prática da Escritura Sagrada; honrar e propagar o Evangelho pela vida e pela palavra; sustentar a Igreja e as suas instituições, moral e financeiramente; obedecer às autoridades da Igreja, enquanto estas permanecerem fiéis às Sagradas Escrituras; participar dos trabalhos e reuniões da sua Igreja, inclusive assembléias”;

 

071 – Quais os requisitos para alguém ser eleito Presbítero ou Diácono?

  1. Estar convicto de que Deus o chama para tal ofício, ser membro da Igreja em plena comunhão, do sexo masculino, maior de 18 anos, civilmente capaz, assíduo e pontual no cumprimento dos deveres, irrepreensível na moral, são na fé, prudente no agir, discreto no falar e exemplo de santidade na vida ( I Tm. 3: 1-13; Tito 1: 5-9);

 

 

072 – Por que a Igreja Presbiteriana não batiza por imersão?

  1. A Igreja batiza por Aspersão, e não por “imersão”, porque há relatos e circunstâncias na Bíblia que nos levam a concluir que o batismo bíblico não era aplicado por “imersão”:
  2. a) João Batista, à beira do Jordão, borrifava água nas multidões (Mat. 3:5-6);
  3. b) João Batista, um cumprimento do Velho Testamento, onde se batizava por aspersão e assim também, se purificava todos os objetos de uso da Casa de Deus ( Êxodo 24:8; Ez.36:25-27; 9:19; I Pe. 1:2; Mal. 3:1-3; Mat.3: 11-12);
  4. c) Os “Pais” da Igreja I Séc. ensinaram e escreveram sobre batismo de infante e por aspersão;
  5. d) A Palavra “Aspersão” ou “Aspergir” no sentido de lavar e purificar aparece tanto no Antigo Testamento, quanto no Novo Testamento. Ao passo que a palavra “imersão” não se acha na Bíblia; Apenas inferência, no caso do dilúvio (Noé); e da tragédia egípcia no mar vermelho;
  6. e) O Batismo por Aspersão: O Apóstolo Paulo, o plantador de Igrejas, foi batizado dentro da casa de Judas (At. 9:10-18); O carcereiro de Filipos, foi batizado por volta da meia-noite, depois de um terremoto que fendera as paredes da prisão ( At. 16:23-33);
  7. f) Jesus veio batizar com o Espírito Santo, de igual forma a palavra é derramar ou aspergir; também o sangue de Jesus foi derramado na cruz ( Is. 44:3; Juí. 2:28,29; At. 2:18,33; At. 10:45);
  8. g) As abluções no Velho Testamento eram feitas por aspersão ( Heb. 9:19-21; Núm. 8:7);
  9. h) Todos os reformadores Séc. XVI, ensinaram e escreveram sobre o batismo de infantes e sobre o batismo por aspersão: Lutero, Calvino, Capito, Bruce, Melancton, Ecolampádio;
  10. i) O batismo por Aspersão, não se sujeita aos tanques de águas poluídas, após a entrada da primeira pessoa, até em piscina cuja água não é corrente e nem viva, é preciso de atestado médico; ademais, não se arrisca com rios sujos e contaminados;
  11. j) O batismo com a água corrente e viva é simbólico; não é o rito batismal que regenera; e sim, Jesus Cristo, quando se crer nEle de todo o coração. A água é símbolo do Espírito Santo;

 

073 – Há no Novo Testamento registro de batismo de criança?

  1. O Novo Testamento registra o batismo de cinco famílias inteiras ( At. 10: 23, 24 e 48; At. 16:15, 33; At. 18:8; I Co. 1:16. “Os apóstolos batizavam as crianças”: Dizia Orígenes;

 

074 – Como o crente deve encarar a morte?

  1. O crente não deve ter medo da morte. Cristo já morreu a nossa “morte”, pagou por ela. Para o servo de Deus, morrer é “partir e estar com Cristo, o que é incomparavelmente melhor” (Fp. 1:23). “ O morrer é lucro” (Fp. 1:21; Apo.14:13). Mas o crente não tem direito e jamais deve apressar ou autorizar a sua morte. Nossa vida pertence a Deus;

 

075 – O que ocorrerá na Segunda Vinda de Cristo?

  1. Na Segunda Vinda de Cristo os mortos ressuscitarão (Jo. 6:40,44:; I Ts. 4:16); os vivos serão transformados ( I Co. 15: 51-53); Os anjos apóstatas e todas as pessoas incrédulas que viveram sobre a terra serão julgados ( 2 Pe. 2:4; Jd. 6; Mat. 25:31-34,41; Jo. 5: 28,29;  Rom. 14: 10-12;  2 Co. 5:10; Apoc. 20:11-13);  e haverá uma separação eterna entre os salvos e os  perdidos.    Os ímpios irão para o castigo eterno ( Mat. 25:46); e os salvos reinarão eternamente com     Cristo  (I Ts. 4:17; Apoc. 21:1-6).

 

076 – Qual é a posição da Igreja Presbiteriana?

  1. Sexo: somente dentro do casamento ou na relação sólida da convivência familiar debaixo do mesmo teto, entre um homem e uma mulher ( Heb. 13: 4);
  2. Aborto: É expressamente contra a legalização do aborto, com exceção do aborto terapêutico, quando não houver outro meio de salvar a vida da gestante;
  3. Lei da Homofobia: (que caracteriza crime a manifestação contrária à homossexualidade e o lesbianismo), com base no ensino bíblico sobre a homossexualidade a Igreja é contra. É também contra e repudia toda espécie de violência ao ser humano incluindo os homossexuais e quaisquer outros cidadãos;
  4. Eutanásia: É expressamente contra. Somente Deus é o Senhor da vida;
  5. Doação de sangue; de órgãos; servir o exército; participar da política: A Igreja deve incentivar e apoiar tais iniciativas bem como promovê-las; ( Leia o humanismo social de Calvino – Biblioteca da Igreja);
  6. Fumo e bebida alcoólica: A Igreja é expressamente contra. “ Fugi da impureza e da aparência do mal…”( I Co. 6:18; Lev. 10:9; Núm. 6:3; 23:30; Is. 24:9; Lc. 1:15; Col. 2:16;Rom. 12:9; I Ts. 5:22);  I Co. 6:12; I Co. 10: 23);
  7. Jogos de Azar, Cassinos e As Loterias: A Igreja é expressamente contra;
  8. Ciência e Nanotecnologia(clone, células tranco, transgenia etc.)Prevalecerá sempre os princípios bíblicos, a Ética Cristã e o benefício justificável-igualitário do ser humano;

 

077- O que é Predestinação?

  1. É a doutrina bíblica Segundo a qual Deus, pela sua presciência, já determinou o destino eterno de todo ser humano, tanto dos que serão salvos por Jesus Cristo mediante o Evangelho (Rom. 8: 29,30; Ef. 1: 3-5); como dos que irão para a perdição eterna, por agravo e rejeição ao Evangelho ( Rom. 9: 14-21; Mat. 22: 14);

 

078 – Como a Igreja Presbiteriana do Brasil é regida?

  1. Pela Bíblia, Pela Confissão de Fé de Westminster (1643), e os Catecismos Maior e o Breve, Pela sua Constituição: A 1ª Constituição 1937; A 2ª Constituição, em vigor, promulgada a 20 de Julho de  1950, sob o apanágio da Constituição Federal da República do Brasil.

 

 

Bibliografia:

 

# Escrituras Sagradas;

# Confissão de Fé de Westminster (1643);

# Catecismo Maior;

# Breve Catecismo;

# Chave Bíblica;

# Constituição da Igreja Presbiteriana do Brasil (1950);

# Protestantismo e Cultura Brasileira – Da autonomia ao Cisma;

# João Calvino Era Assim;

# Protestantismo no Brasil Monárquico – A Fé Presbiteriana;

# Jornal Brasil Presbiteriano;

# Constituição da República Federativa do Brasil – (1998);

# Código Civil Brasileiro (2002).

 

 

“A lei e ao testemunho: Se eles não falarem segundo esta palavra, nunca verão a alva”

(Isaías 8: 20)- “Buscai no livro do Senhor, e lede” (Isaías 34: 16)

 

 

 

Curitiba/PR, 01 de Março de 2015.

 

 

 

Rev. Mario Ramos – Pastor da Igreja

 

 

 

 

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com