CRISTÃOS EM UMA NOVA ERA

Nº 30 – BOLETIM DOMINICAL- 23 DE AGOSTO DE 2015

CRISTÃOS EM UMA NOVA ERA – Col 2: 1-7

A Nova Era não se trata apenas do Terceiro Milênio – o tempo. A Nova Era é uma forma globalizada de religião e espiritualidade. Em matéria de livros sagrados, aceita todos. Em termos de Salvador é totalmente inclusiva, Buda, Jesus Cristo, Maomé, Hare- Krishna, etc. Todas as religiões convergem para uma só e mesmo ponto. Deus não é distinto da sua Criação, Ele é parte desta. Deus está em tudo e tudo em Deus. O homem e a mulher são partículas divinizadas. Você não apenas tem Deus em você. Você é Deus. Os valores éticos e morais são relativos, o que é errado para um é certo para o outro. Não há absolutos nem teológicos, nem éticos. Tudo é relativo. Percebe-se o quão tentadora e perigosa é esta ideologia religiosa chamada Nova Era. O velho Gnosticismo volta a atacar. Cria uma tremenda confusão espiritual. O Ocidente está sendo invadido por filosofias e práticas orientais. O Oriente, por sua vez está sendo ocidentalizado, e está perdendo a sua identidade cultural, histórica e espiritual. O mundo está globalizado em sua geo-política e econômicamente. A religião vai a reboque. O “Estado Islâmico”, embora nada se justifica o ato de violência e barbárie, é um protesto violento a essa realidada na região. Percebe o perigo! Tudo é relativo, não há absolutos. Então, a Bíblia não é a Palavra de Deus e Única regra universal de fé e de prática! Pior ainda, Jesus Cristo, não é mais o nosso Único e Suficiente Salvador, Ele é apenas um salvador; a Bíblia é apenas mais um dos vários livros sagrados. O cristão precisa ser firme e inabalável em suas convicções; não pode negociar princípios; precisa examinar tudo, e reter o que é bom; não se desviar dos santos e retos caminhos da Palavra de Deus. Há somente uma saída. Olhar para dentro de nós mesmos. O ser humano passa a ser o centro do universo e crê que ele, e não mais Deus, controla as circunstâncias. Há uma epopéia – um surto divinizado de homens perversos e iníquos em querer desvendar os mistérios de Deus e de Sua natureza. A invasão do espaço sideral e planetários é um desses exemplos. É preciso conhecer a verdade e ela nos libertará. Deus seja conosco nesta era de incredulidade.    Rev. Mario